A Great Wall no Brasil já é uma realidade, depois da compra da fábrica da Mercedez-Benz no interior de São Paulo. A negociação da planta de Iracemópolis (SP) com o grupo Daimler durou 4 meses. Era de lá que saiam, até dezembro de 2020, o sedã Classe C e o SUV GLA. A intenção é transformá-la em mais uma base global de produção e assim, a partir de 2022 não só abastecer o mercado brasileiro, mas a América do Sul também. A montadora projeta um volume de 100 mil carros ao ano, e para isso, vai abrir até 2000 vagas de trabalho.

“O Brasil é o maior e mais populoso país da América Latina. Sua força econômica ocupa o primeiro lugar, suas vendas de automóveis estão em sétimo lugar no mundo. E o mercado consumidor de automóveis tem grande potencial. Consideramos o Brasil, portanto, um mercado estratégico no plano global de internacionalização. O investimento da Great Wall trará uma experiência de mobilidade inteligente, segura e de alta qualidade para os usuários”, disse o vice-presidente da GWM, Liu Xiangshang.

Modelos que a Great Wall planeja produzir no Brasil

O modelo que mais tem chamado a atenção a sido alvo da fúria da Volkswagem, é o ORA Euler Ballet Cat, uma releitura moderna e elétrica do famoso VW Fusca que bate de frente com Fiat 500e e Mini Cooper Se. A montadora alemã já ameaçou entrar com ação judicial para honrar o passado do Fusquinha, o que até agora não intimidou os chineses que até já soltaram teaser do modelo. O modelo em questão é 100% elétrico com autonomia de até 500km e potência de 143 cv.

ORA Euler Ballet Cat
ORA Euler Ballet Cat

A picape Série P, conhecida como Poer deve chegar por aqui importada. É um produto chave para o plano de globalização da montadora e chega para bater de frente com Toyota Hilux e Chevrolet S10. Pelo site oficial da Great Wall, a picape média tem duas opções de motor 2.0 turbo. O movido a gasolina tem sistema de injeção direta, 190 cv de potência e 36,6 kgfm de torque. Já o turbo diesel tem 162 cv de potência e 40,6 kgfm de torque. Os dois motores usam  tração 4×4 e câmbio manual de seis marchas ou automático de oito velocidades ZF.

Great Wall Poer
Great Wall Poer

O SUV Haval H6 é de porte médio com 4,65 metros de comprimento e bate de frente com Caoa Chery Tiggo8 e VW Tiguan AllSpace. Bem equipado, tem painel digital de 10,2 polegadas e multimídia de 12,2″, além de Head-Up display.

SUV Haval H6
SUV Haval H6

Outro SUV é o Haval Jolion, de 4,47 metros de comprimento e 2,70 metros de entre-eixos, que vai figurar na categoria que mais cresceu esse ano, competindo com o campeão do segmento, o Jeep Compass, além de Toyota Corolla Cros e VW Taos.

SUV Haval Jolion
SUV Haval Jolion

Os SUV´s H6 e Jolian tem a facilidade de usar o mesmo conjunto mecânico, o motor 1.5 turbo a gasolina com injeção direta, 150 cv de potência e 22,4 kgfm de torque. O câmbio tem dupla embreagem e sete marchas.

O WEY Tank 300 é a opção com características fora-de-estrada e bate de frente com Jeep Wrangler e Mercedez Benz Classe G. Sob o capô, um motor 2.0 turbo de 230 cv de potência e 39,4 kgfm de torque, em conjunto com o câmbio automático de oito marchas. Para encarar terrenos mais desafiadores, tem bloqueio de diferencial dianteiro, central e traseiro e nove modos de tração para superar obstáculos off-road.

WEY Tank 300
WEY Tank 300

Deixe uma resposta