Carros

SP Automotive Chaos – O ultracarro de 3000cv

SP Automotive Chaos é o primeiro carro da Spyros Panopoulos Automotive, uma nova marca grega de esportivos. O adjetivo mais adequado seria “insano”, pois a versão mais potente passa dos 3000cv de potência, girando a mais de 12000rpm e com preço de absurdos 12,4 milhões de euros.

SP Automotive Chaos
SP Automotive Chaos

 A versão de entrada, Chaos Earh Version, custa 5,5 milhões de euros e já seria o suficiente para derrubar o conceito que temos de hiper esportivos, pois entrega 2077 cv de potência, girando entre as 10 000 rpm e 11 000 rpm. O tempo de 0 – 300km/h fica nos 7,9s e a máxima passa dos 500 km/h.

Já a versão topo de linha, Chaos Gravity Zero, custa absurdos 12,4 milhões de euros e entrega insanos 3106 cv, girando entre as 11 800 rpm e 12 200 rpm. O tempo de 0-100km/h é de 1,55s e o de 0-3—km/h em 7,1s.

Até o momento as imagens ainda são digitais, mas a montadora divulga o uso de motor V10 4.0 a 90º, biturbo, tração integral e câmbio de dupla embreagem de 8 velocidades.

A construção do ultracarro é disruptiva e usa muitos elementos produzidos usando impressão 3D, afim de obter o máximo de performance com o mínimo de peso.

O SP Automotive Chaos apoia-se, maioritariamente, na fabricação aditiva, mais vulgarmente conhecida como impressão 3D, para garantir que extrai o máximo de performance de cada componente sem que isso acarrete uma massa excessiva. A Sp Automotive chama esse processo de impressão de Anadiaplasi, de onde saíram muitas peças como bloco do motor e algumas peças internas, 78% da carroçaria, rodas de 21″ e 22″, pinças do sistema de freios e até mesmo o escape quádruplo. Além disso, outros matérias nobres como ligas de titânio e magnésio, carbono-kevlar, inconel no escapamento e zylon, um polímero sintético para o monocoque.

Extermanente, o modelo é bem maior do que parece, com 5,05m de comprimento, 2,06m de largura, 1,12m de altura e 2,85m de entre-eixos.

A parte interna leva apenas 2 ocupantes e tem design futurístico. O volante impresso em 3D tem formato diferenciado e inclui uma tela touch screen. O piloto terá à sua disposição óculos VR com realidade aumentada, conectividade 5G, reconhecimento de impressões digitais e câmeras para reconhecimento facial. De acordo com a leitura da expressão facial, o Chaos pode adaptar os modos de condução ao estado de humor do piloto.

A Spyros Panopoulos Automotive pretendo construir no máximo 20 unidades para cada  continente.

 

Clique em PRÓXIMO e veja mais

Deixe uma resposta