Abarth 695 Esseesse
Abarth 695 Esseesse

O Abarth 695 Esseesse é o último lançamento da Abarth, preparadora incorporada a Fiat. Fundada em 1949 por Carlo Abarth, fez sucesso na década de 60 nas competições de HillClimb batendo de frente com Porsche e Ferrari, além de produzir escapamentos esportivos. Foi comprada pela Fiat na década de 60 e a partir daí, vários modelos da montadora saíram com a famoso símbolo do Escorpião.

O Abarth 695 Esseesse, é um carro para colecionadores e teve a produção limitada a 1390 unidades, disponível em duas cores: 695 unidades em “Preto Scorpione” e outras 695 em “Cinzento Campovolo”. O modelo é inspirado num clássico de 1964, o “Cinquino” que na época foi preparado e apresentado como um 695 Esseesse, com cilindrada aumentada para 690 cm3 e 38 cv que o levavam até 140 km/h.

O lançamento tem melhorias de peso, como é o caso do novo capô em alumínio que reduz o peso em 25% frente a versão de fábrica. Destaque ainda para um sistema de escape Akrapovic e a asa traseira ajustável em até 60 graus e que adiciona 42kg de carga aerodinâmica quando em inclinação total e aos 200km/h.  Todas as alterações diminuem o peso total do desportivo em 10 kg quando comparado com o 595 Competizione.

O motor é o já conhecido 1.4 T-Jet com 180 cv. Com o spoiler ajustado a 0º, é possível atingir uma velocidade máxima de 225 km/h, com aceleração 0-100 km/h em 6,7 segundos. De série é acompanhado de câmbio manual de seis velocidades, mas há como opcional o  câmbio sequencial robotizado Abarth com aletas esportivas no volante. A suspensão esportiva é assinada pela Koni e o conjunto de freios é Brembo de 4 pistões na dianteira e traseira.

Passando para o interior, os bancos esportivos são da Sabelt e incluem a inscrição “ONE OF 695” no encosto de cabeça. Outros itens do modelo são os cintos de segurança vermelhos, estrutura traseira branca, faixa no painel com a inscrição “695 Esseesse”. A cenral multimídia é de 7 polegadas e mostra informações do sistema de de entretenimento Uconnect com sistema Apple CarPaly e Android Auto. A Abarth não especificou o preço ou mesmo a chegada ao mercado.

Publicidade

Deixe uma resposta