Fiat Uno e as inovações que ele trouxe para o Brasil

O Fiat Uno acaba de se aposentar, com a série de despedida chamada Ciao, limitada a apenas 250 unidades e que já falamos nesse post. Ao longo da sua trajetória marcante após 37 anos de mercado e mais de 4,3 milhões de unidades vendidas, o modelo foi o pioneiro em alguns aspectos.

Fiat Uno, “pequeno por fora, grande por dentro”

O modelo chegou ao Brasil em agosto de 1984 e o slogan das campanhas de divulgação era auto explicativo, passando a imagem de que o modelo compacto tinha bom espaço interno para passageiros e bagagens.

O primeiro esportivo acessível

Apenas três anos após o lançamento do Uno no mercado brasileiro, a montadora lança o Uno 1.5R em 1987. Imediatamente o público jovem se identificou com o modelo, que era o Fiat mais rápido até então, e que era páreo para Escort XR3 e Gol GTS. A receita clássica foi comando de válvulas esportivo, taxa de compressão mais alta, coletor de admissão redimensionado e carburação recalibrada, que resultaram em aumento de 14cv, chegando aos 85cv.

Fait Uno 1.5R
Fiat Uno 1.5R

Em 1990 depois de apimentar o cenário esportivo com o lançamento do 1.5R, chega o momento de ir ao outro extremo, com o lançamento do primeiro modelo com motor 1.0 do Brasil. O Mille mostrou outra faceta do Uno, que era ser extremamente econômico.

Fiat Uno Mille
Fiat Uno Mille

Em 1994, a Fiat aumentou consideravelmente o conforto no segmento de entrada, oferecendo o primeiro carro compacto com ar-condicionado, o Mille ELX.

O primeiro com motor turbo

Também em 1994, a Fiat lançou o primeiro carro nacional a usar motor turbo de série, uma das maiores inovações da indústria nacional. O Uno Turbo 1.5 i.e foi o modelo precursor de uma onda muito falada hoje em dia, o downsizing, que diminiu cada vez mais os motores ao passo em que a potência aumenta.

O primeiro com start-stop

A última grande inovação do Fiat Uno chegou a série Evolution, que trouxe pela primeira vez o sistema start-stop que tornava o modelo ainda mais econômico. Além disso a Evolution também apresentou os novos motores de 3 cilindros Firefly 1.0 e 1.3.

Fiat Uno Evolution

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.