Toyota aceita soja e milho  como pagamento da linha Hilux
Toyota aceita soja e milho como pagamento da linha Hilux

Toyota aceita soja e milho como pagamento da linha Hilux, após o anúncio na quarta-feira (4) de um novo canal de vendas com foco no agronegócio. O Toyota Barter oferece a possibilidade de usar permuta de grãos para o pagamento da Hilux, SW4 e Corolla Cross.

A exigência é que o produtor esteja enquadrado nas certificações e leis de impacto ambiental para que a comercialização de grãos oriundos de plantios sustentáveis seja garantida. Além disso, será usado o valor de mercado das sacas no momento da negociação para o cálculo de equivalência de valores.

José Luis Rincon Bruno, gerente de vendas diretas da empresa: “O Toyota Barter teve início como um projeto piloto em 2019, portanto, é o primeiro canal de vendas do Brasil a aceitar grãos na compra de um carro. Agora, temos a oportunidade de oficializar esta facilidade para o agronegócio e expandir a presença da Toyota e contribuir de maneira importante para esse que é um dos principais setores econômicos do nosso País”.

O agronegócio representa 16% do volume de vendas diretas da montadora, sendo assim, inicialmente o Toyota Barter vai operar nos estados da Bahia, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Piauí e Tocantins. Agora que a Toyota aceita soja e milho como pagamento, expectativa é que o novo canal vai tornar esse nicho ainda mais importante para a montadora.

A Hilux é a picape mais vendida do pais e e tem várias configurações, descritas abaixo.

Toyota Hilux SR 2.7 Flex: equipado de série com sete airbags, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, travas de rodas, freios ABS com EBD, alarme perimétrico, Isofix, faróis de neblina, maçanetas internas cromadas, maçanetas externas na cor da carroceria, retrovisores na cor preta, sistema de som com quatro alto-falantes, ascendimento automático dos faróis, apoio de braço traseiro com porta-copos, ar-condicionado automático e digital, banco do motorista com ajuste de altura, banco traseiro bipartido e rebatível, volante ajustável em altura e profundidade, computador de bordo, compartimento refrigerado no painel, faróis com follow me home, volante e manopla de câmbio em couro, protetor de caçamba, trio elétrico, sistema multimídia de 8 polegadas com Android Auto e Apple Carplay, volante multifuncional, entre outros.

Toyota Hilux SRV 2.7 Flex: agrega central multimídia com GPS e TV digital, trava de estepe, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, rodas de liga leve de 18 polegadas, assistente de reboque, luz de frenagem de emergência, alarme perimétrico e volumétrico, maçanetas externas cromadas, retrovisores externos cromados e rebatíveis eletricamente, banco do motorista com ajustes elétricos, computador de bordo com tela TFT de 4,2 polegadas, porta-luvas com amortecedores, retrovisor interno eletrocrômico, bancos em couro e material sintético, destravamento das portas sem chave, partida por botão, entre outros.

Toyota Hilux STD Power Pack 2.8 Diesel: mesmos itens da Hilux SR 2.7 Flex (com exceção dos faróis de neblina, para-choque traseiro cromado, banco do motorista com ajuste de altura, volante com ajustes, banco traseiro bipartido e rebatível, computador de bordo, estribos laterais, ar-condicionado automático e digital e sistema de som) mais bloqueio do diferencial traseiro e maçanetas externas e internas sem pintura.

Toyota Hilux SR 2.8 Diesel: mesmos equipamentos da Hilux SR 2.7 Flex.

Toyota Hilux SRV 2.8 Diesel: mesmos equipamentos da Hilux SRV 2.7 Flex.

Toyota Hilux SRX 2.8 Diesel: se diferencia pelos faróis de neblina em LED, farol baixo em LED, nivelamento automático dos faróis, sistema de som da JBL, pacote Toyota Safety Sense (com assistente pré-colisão com aviso sonoro e frenagem automática, alerta de mudança de faixa, controle de cruzeiro adaptativo), bancos em couro perfurado, rodas de 18 polegadas, luzes diurnas de LED, entre outros.

Siga-nos no Facebook e Instagram para ficar por dentro das novidades do mundo automotivo.

Deixe uma resposta